5 de junho de 2017

Cavalhadas de Santa Cruz de Goiás 2017: "A festa movimentou a nossa economia", destaca prefeito Mateus



Realizada no último final de semana, as Cavalhadas de Santa Cruz de Goiás movimentaram a economia da cidade. O evento contou com a presença de diversas autoridades locais e do governador Marconi Perillo que participou da abertura no sábado, 3.

“As Cavalhadas representam, talvez, o que temos de mais belo em nosso país em relação à cultura e à tradição religiosa”, destacou o governador. “São mais de dois séculos de tradição, o que é importante para manter a nossa história, tanto é que inauguramos ontem a restauração do Cine Teatro São Joaquim, na cidade de Goiás, um dos primeiros teatros da Região Centro-Oeste do país”, declarou o vice-governador José Eliton.

Segundo o prefeito Mateus Felix Lopes, foi uma festa bonita onde toda a região participou. “Essa festa movimenta a cultura e a economia da nossa cidade. Boa parte dos moradores da região da estrada de ferro vem pra cá nessa época. Nós agradecemos pelo apoio do governador Marconi Perillo que por meio da Goiás Turismo tem nos apoiado”, agradeceu o prefeito.

Cavalhadas

Manifestação cultural e folclórica religiosa, as Cavalhadas são apresentadas nas festas do Divino Pai Eterno e de Nossa Senhora do Rosário, festas cristãs, que foram realizadas em Santa Cruz de Goiás pela primeira vez em 1816. Elas representam a luta dos cristãos contra os muçulmanos (mouros), pelo controle territorial de parte da Europa na Idade Média. A cena remonta ao período medieval e retrata a luta do imperador Carlos Magno e os 12 pares da França.

A encenação começa com os cristãos acompanhados pelos anjos, carregando o emblema da cruz; os mouros, acompanhados do diabo, carregam a espada. Eles acreditavam que espíritos maus impediam os mouros de aceitarem a Lei de Nosso Senhor Jesus Cristo. Mouros e cristãos seguem uma hierarquia entre os cavaleiros. Um posto só é substituído se um cavaleiro morre ou sai da cavalhada. 

A princesa se veste de azul, no primeiro dia, por estar sob o poder dos cristãos e, no outro, de vermelho, depois que foi raptada e ficar em poder dos mouros. Ao final da encenação, mouros e cristãos desfilam em seus cavalos pelas ruas da cidade e encenam uma batalha, que acaba pela conversão dos mouros ao cristianismo.

Considerada uma das primeiras povoações do Estado, Santa Cruz foi morada dos Anhanguera. A cidade fica a 128 quilômetros de Goiânia e tem como municípios vizinhos Palmelo, Cristianópolis e Pires do Rio.

Circuito

O Circuito das Cavalhadas de Goiás 2017 compreende 12 municípios: Posse, Santa Cruz, Jaraguá, Pirenópolis, Palmeiras, Hidrolina, São Francisco, Santa Terezinha, Corumbá, Pilar, Luziânia e Niquelândia.

Fonte: Goiás Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fale Conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Publicidade

Institucional

Receba em seu e-mail